...

R$ 25,00

SIGATOKA-NEGRA DA BANANEIRA

Comprar

Descrição

A cultura da bananeira apresenta grande relevância no País, tanto do ponto de vista econômico como social, pois, além de fonte de renda, a banana é a dieta básica de grande parte da população, notadamente das regiões Norte e Nordeste. Devido à presença a sigatoka-negra, a produção está seriamente comprometida, pois as cultivares tradicionais são altamente suscetíveis a essa doença, e as perdas podem atingir 100% da produção. Fato este que levou a Embrapa Amazônia Ocidental a intensificar as pesquisas nesses últimos oito anos.
A Embrapa Amazônia Ocidental disponibiliza o livro SIGATOKA-NEGRA DA BANANEIRA a todos os envolvidos no segmento da banana, desde os pesquisadores iniciantes e estudantes que buscam os métodos para trabalhar com o patógeno e com a doença, até os técnicos e produtores que necessitam de informações para diagnosticá-la no campo e adotar as medidas de controle disponíveis, eficientes e apropriadas para cada situação, sob o ponto de vista social, ambiental e econômico, minimizando, dessa forma, os prejuízos econômicos que a doença pode causar. Neste livro estão organizadas e sistematizadas as mais diversas informações sobre a doença, em 177 páginas, 56 figuras e 15 tabelas. Pode-se constatar, em seu conteúdo, que a grande maioria dos problemas tem respostas que, se adotadas, podem viabilizar a bananicultura em qualquer região do Brasil, mesmo sob a pressão da sigatoka-negra.

Introdução – 15

I. Bananeira – 17
I. 1. História e importância econômica da cultura – 17
I. 2. Descrição da planta – 20

II. Sigatoka-negra – 24
II. 1. Histórico da ocorrência e importância econômica – 24
II. 2. Distribuição geográfica – 31
II. 3. Hospedeiros – 32
II. 4. Sintomas – 33
II. 5. Diferenciação entre as sigatokas negra e amarela – 37
II. 6. Doenças bióticas e abióticas e ataques de pragas que podem ser confundidos com a sigatoka-negra – 49
II. 6.1. Mancha de Cordana – 49
II. 6.2. Mancha de Cloridium – 50
II. 6.3. Mancha de Deightoniella – 52
II. 6.4. Mancha de Cladosporium – 52
II. 6.5. Fumagina – 53
II. 6.6. Estrias de bananeira – 54
II. 6.7. Toxidez de manganês – 56
II. 6.8. Toxidez de sódio – 58
II. 6.9. Ácaros-da-teia – 59
II. 6.10. Mosca branca – 60
II. 7. Mycosphaerella fijiensis – 62
II. 7.1. Isolamento e características culturais – 62
II. 7.2. Características morfológicas – 64
II. 7.3. Preservação e produção massa de inóculo – 68
II. 7.4. Diversidade genética de Mycosphaerella fijiensis – 70
II. 7.5. Ciclo de vida – 74
II. 8. Epidemiologia – 77
II. 9. Mecanismos de resistência e interação patógeno-hospedeiro – 85
II. 10. Métodos de controle – 88
II. 10.1. Quarentena – 88
II. 10.2. Resistência – 89
II. 10.3. Químico – 103
II. 10.4. Controle por práticas culturais – 118

III. Metodologia de pesquisa com a doença – 123
IIII. 1. Critérios para a quantificação da sigatoka-negra – 123
III. 2. Patogenicidade de Mycospharella fijiensis e avaliação da doença em condições controladas e de incidência natural – 135
III. 3. Avaliação da sensibilidade de populações de M. fijiensis a fungicidas – 138
III. 3.1. Escolha do local – 138
III. 3.2. Coleta das amostras – 138
III. 3.3. Sensibilidade dos ascosporos – 139
III. 3.4. Isolamentos monoascospóricos – 141
III. 3.5. Análise de sensibilidade aos fungicidas – 142

IV. Considerações Finais – 145
V. Referências – 146
Glossário - 164

Autores: Luadir Gasparotto, José Clério Rezende Pereira, Rogério Eiji Hanada e Angélica Virgínia Valois Montarroyos
Ano: 2006
Número de Páginas: 177
Tamanho: 16 X 22 cm
Editora: Embrapa
Acabamento: Brochura
ISBN: 85-89111-02-4


CNPJ: 96.631.353/0001-69 - Email: pldlivros@uol.com.br - Fone: (19) 3421 7436 - Fone: 3423 3961 - Piracicaba/SP

Política de Privacidade. ©2008, Revendas de Livros Técnicos. Todos os direitos reservados