IMPORTADOS
· Diversos
LIVROS TÉCNICOS
· Administração
· Agronomia
· Biologia - Ecologia
· Direito
· Diversos
· Engenharia Ambiental
· Engenharia Civil
· Engenharia de Alimentos
· Engenharia Florestal
· Entomologia
· Estatística
· Fisiologia Vegetal
· Fitopatologia
· Geologia
· Geoprocessamento
· Irrigação - Hidráulica
· Medicina Veterinária
· Nutrição
· Química
· Técnicas de Pesquisa - Estudos
· Zootecnia
 




COMPORTAMENTO DE ANIMAIS EXÓTICOS DE COMPANHIA
R$ 275,00


  LIVROS TÉCNICOS >>> Medicina Veterinária
 
TRAUMA EM CÃES E GATOS
 
TRAUMA  EM CÃES E GATOS     
  
Por: R$ 185,00 
 
 

   
   
   

Clique na imagem para ampliá-la
Descrição
Prefácio IX
Prólogo XI

1. TRAUMA EM PEQUENOS ANIMAIS
Introdução – 1

2. GENERALIDADES SOBRE O TRAUMA
Introdução – Trauma múltiplo: etiologia e prevalência – 3
Mecanismos da lesão – Patogenia da lesão – 5
Fatores que modificam a lesão – Avaliação do paciente politraumatizado - Sistemas quantitativos de avaliação do trauma – 6
Medicina de emergências em pequenos animais – 9

3. CATEGORIZAÇÃO DO PACIENTE TRAUMATIZADO
CRAMS – 13
Escore de trauma – Índice de gravidade das lesões (ISS) – Índice de gravidade veterinário (IGV) – 14
Conclusão – 15

4. MANEJO INICIAL DO PACIENTE TRAUMATIZADO
Fase inicial – Vias aéreas – Manejo básico – 18
Manejo avançado das vias aéreas – 22
Volume do balão – Manejo cirúrgico das vias aéreas – 23
Procedimentos de emergência – Manejo das vias aéreas e intubação endotraqueal – 25
Punção cricotireóidea – Cricotiroidotomia – 26
Traqueostomia temporária – Drenagem torácica: toracocentese – 28
Tubo de toracotomia – 29

5. ANESTÉSICOS/ANALGÉSICOS NO PACIENTE TRAUMATIZADO
Introdução – Alterações farmacocinéticas no paciente traumatizado – 33
Medicação pré-anestésica – Paciente traumatizado e analgesia – 35
Anestesia no paciente traumatizado – Sugestões para o uso de fármacos na anestesia do paciente traumatizado – Anticolinérgicos – 37
Tranqüilizantes maiores – 38
Tranqüilizantes menores – 39
Opióides (hipnoanalgésicos) – 40
Agonistas dos receptores alfa-2 pré-sinápticos – 42
Indução anestésica – 43
Anestésicos parenterais – Depressores não seletivos – 44
Anestésicos dissociativos – 46
Manutenção da anestesia – Anestésicos gerais – Agentes inalatórios – 47
Efeitos dos anestésicos voláteis sobre diferentes órgãos e sistemas – 48
Bloqueadores neuromusculares – 49
Antiinflamatórios não esteroidais – 50
Anestésicos locais – Infusão contínua de agentes anestésicos/analgésicos – 52
Monitoramento do paciente anestesiado – 53

6. DIAGNÓSTICO RADIOGRÁFICO EM CASOS DE EMERGÊNCIAS
Introdução – 57
Elementos-chave do diagnóstico radiográfico do tórax – 58
Pneumotórax – 59
Pneumotórax de tensão ou valvular – Contusão pulmonar – 60
Efusão pleural – 61
Hérnia diafragmática adquirida ou traumática – 62
Pneumomediastino – 63
Corpo estranho intra-esofágico – Doença das vias aéreas inferiores felina: asma brônquica felina – 64
Hipoplasia traqueal – Colapso traqueal dinâmico – 65
Elementos-chave do estudo radiográfico do abdome – Íleo – 66
Hérnias abdominal, paracostal, inguinal e perineal – Síndrome da torção gástrica - vôlvulo intestinal – 67
Pneumoperitônio – 68
Elementos-chave do diagnóstico radiográfico dos sistemas esquelético e articular – 69

7. DIAGNÓSTICO ULTRA-SONOGRÁFICO EM TRAUMAS TORÁCICO E ABDOMINAL
Exame ultra-sonográfico do trauma abdominal – 73
Trauma esplênico – 74
Trauma hepático – Trauma renal – 75
Ruptura da vesícula urinária – 76
Exame ultra-sonográfico no trauma torácico – Hemotórax – 77
Pneumotórax – Ruptura diafragmática – 78
Trauma esquelético – 79

8. HIPOTERMIA NO TRAUMA
Classificação da hipotermia – Mecanismos de perda de calor – 83
Fatores que predispõem à hipotermia – Termorregulação – 84
Fisiopatologia e manifestações clínicas da hipotermia – 85
Hemostasia e meio interno – Tratamento da hipotermia – 86
Complicações do reaquecimento – 87

9. MANEJO DE FERIDAS ACIDENTAIS
Classificação das feridas – Feridas fechadas – 89
Feridas abertas – 90
Princípios de tratamento – Manejo inicial – Manejo de lesões dos tecidos moles – 91
Preparo da ferida – 92
Desbridamento da ferida – 93
Lavagem da ferida – 95
Procedimentos de reparação – Fechamento primário – 96
Fechamento primário retardado – Cicatrização por contração e epitelização – 97
Feridas particulares – Fraturas expostas – 104
Feridas produzidas por projéteis – 106
Ferimentos por mordedura – 108
Queimaduras térmicas – 110
Queimaduras por eletrocussão – 112
Queimaduras químicas – Mordeduras de ofídios peçonhentos – 113

10. TRAUMA CRANIOENCEFÁLICO
Fisiopatologia do trauma encefálico – 118
Neurologia do trauma cranioencefálico – Edema cerebral – 120
Hipóxia e isquemia cerebral – Aumento da pressão intracraniana (PIC) – 121
Complicações do TCE – Herniação cerebral – Hemorragias cerebrais – 122
Efeitos sistêmicos do aumento da PIC – 123
Tratamento – Tratamento de suporte – 124
Administração de fármacos – 125
Craniectomia sagital – 127

11. FRATURAS DE MANDÍBULA, MAXILA E TRAUMATISMO DENTÁRIO
Técnica da resina acrílica – 131
Endodontia – Introdução – 132
Anatomia do canal radicular e apicogénese – Lesões da polpa – 133
Pulpotomia e capeamento pulpar (polpa viva) – 135
Fístula do "carniceiro" (quarto pré-molar superior) – Necropulpectomia (polpa morta) – 136
Apicoectomia – 139
Avulsão dentária – 141

12. TRAUMA ABDOMINAL
Diagnóstico - Radiografias – Ultra -sonografia – Abdominocentese e lavado peritoneal – 145
Complicações do trauma abdominal – Hérnia diafragmática – 146
Ruptura de vísceras gastrointestinais – Trauma hepático – Baço – Pâncreas – 147

13. TRAUMA TORÁCICO
Trauma rombo ou contuso (trauma torácico fechado) – 149
Trauma perfurocortante – Trauma misto – 150
Pneumotórax – Diagnóstico – 151
Classificação – Pneumotórax fechado simples – Prognóstico – Tratamento - Pneumotórax de tensão – 152
Diagnóstico – 153
Tratamento – Pneumotórax aberto (traumatopnéia) – Diagnóstico – Tratamento – 154
Hemotórax – Diagnóstico – 155
Tratamento – Contusão pulmonar – Diagnóstico – 156
Tratamento – Laceração pulmonar – 157
Diagnóstico – Tratamento – Concussão cardíaca – 158
Diagnóstico – 159
Tratamento – Fraturas de costelas – Diagnóstico – Tratamento – 160
Tórax instável – Diagnóstico – 161
Tratamento – Resumo – 162

14. TRAUMA DE MEDULA ESPINHAL
Introdução – Etiologia – Fraturas vertebrais – 165
Conceito de estabilidade vertebral – Hérnia de disco tipo I – 166
Fisiopatologia – 167
Diagnóstico – Exames complementares – 169
Exame radiológico – Mielografia – 170
Tomografia computadorizada – Ressonância magnética nuclear – Tratamento – 171
Tratamento conservador – 173
Tratamento cirúrgico – 174

15. TRAUMA ORTOPÉDICO
Manejo inicial da fratura – Tratamento da hemorragia – Sedação, analgesia e anestesia – Analgesia – 177
Imobilização – Profilaxia da infecção – 178
Manejo das fraturas – Imobilização cirúrgica (osteossíntese) – Princípios para realizar uma osteossíntese – 180
Técnicas de uso comum em medicina veterinária para a fixação definitiva das fraturas – Pinos intramedulares – Pino intramedular com haste bloqueada – 181
Placas ósseas e parafusos – 182
Fixadores externos – 184
Fraturas abertas – Classificação das fraturas abertas segundo Gustillo - Tratamento – 186

16. MANEJO DO TRAUMA OCULAR
Introdução – Manejo do trauma ocular – 191
Exame do olho lesionado – Lesão de pálpebras e conjuntiva – 192
Lesão da terceira pálpebra – Lesão da órbita – 193
Lesão do bulbo do olho – 194
Lesões físico-químicas – 198

17. TRAUMA MIOCÁRDICO
Introdução – Incidência – Etiologia e fisiopatologia – 201
Diagnóstico – 202
Arritmias mais freqüentes na miocardite traumática – Bradicardia sinusal - Taquicardia sinusal – Taquicardia supraventricular – 204
Fibrilação atrial – Disritmias ventriculares – Tratamento geral – 206

18. O PACIENTE FELINO NA EMERGÊNCIA
Introdução – Particularidades do felino como paciente – 209
Contato inicial nas emergências – Anamnese – Exame físico inicial – 210
Monitoração do gato no trauma – Tipos de fluido – 211
Pressão oncótica – Glicose e eletrólitos – Oxigenação – 212
Sistema cardiovascular – Pressão sangüínea – Avaliação neurológica – 214
Coagulação – Transfusão sangüínea – Nutrição – 215
Controle da dor – Cuidados e monitorização – 216

19. SUPORTE NUTRICIONAL NO PACIENTE FELINO POLITRAUMATIZADO
Metabolismo das enfermidades – Os animais críticos estão em um estado "acelerado" – 217
Indicadores para o suporte nutricional – Avaliação do estado nutricional – Fontes de energia – Cálculo aproximado das necessidades calóricas – 218
Cálculo da quantidade de alimento – Seleção da via de administração da dieta - Alimentação por via oral – 219
Seleção da via – Avaliação da resposta e alteração das necessidades - Benefícios do suporte nutricional – 221
Vantagens da nutrição enteral - 222

Autor: Luiz H. Tello
Ano: 2008
Número de Páginas: 222
Tamanho: 21 X 28 cm
Editora: MedVet
Acabamento: Brochura
ISBN: 978-85-61461-02-7
Prazo de entrega
Prazo de entrega: Sedex de 03 a 05 dias úteis e PAC de 05 a 15 dias úteis
Indique este produto
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome (para):
E-mail(para):
Comentários:
 
Voltar
vazio

TEORIAS DA APRENDIZAGEM: o que o professor disse
R$ 119,90
ECONOMIA AMBIENTAL: aplicações, políticas e teoria
R$ 156,65
QUÍMICA ORGÂNICA - (McMurry) Vol. 1
R$ 189,90
FEIJÃO-CAUPI: 500 perguntas 500 respostas
R$ 18,00

Ver Todas as Novidades
——————————————————————————————

CNPJ: 96.631.353/0001-69 - Email: pldlivros@uol.com.br - Fone/Fax (19) 3421 7436 - Fone: 3423 3961 - Piracicaba/SP

Formas de Pagamento
—————————————————————————————
Política de Privacidade. ©2008, Revendas de Livros Técnicos. Todos os direitos reservados