IMPORTADOS
· Diversos
LIVROS TÉCNICOS
· Administração
· Agronomia
· Biologia - Ecologia
· Direito
· Diversos
· Engenharia Ambiental
· Engenharia Civil
· Engenharia de Alimentos
· Engenharia Florestal
· Entomologia
· Estatística
· Fisiologia Vegetal
· Fitopatologia
· Geologia
· Geoprocessamento
· Irrigação - Hidráulica
· Medicina Veterinária
· Nutrição
· Química
· Técnicas de Pesquisa - Estudos
· Zootecnia
 




PATOLOGIA DA REPRODUÇÃO DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS
R$173,00


  LIVROS TÉCNICOS >>> Agronomia
 
AGROECOLOGIA: princípios e técnicas para uma agricultura orgânica sustentável
 
AGROECOLOGIA: princípios e técnicas para uma agricultura orgânica sustentável     
  
Por: R$80,00 
 
 

   
   
   

Clique na imagem para ampliá-la
Descrição
Este livro é o resultado do esforço e da dedicação de pesquisadores de diversas áreas da ciência, oriundos de várias instituições de ensino e pesquisa, comprometidos com a produção de alimentos saudáveis, a conservação da biodiversidade e a qualidade de vida das populações e das gerações futuras, à luz da agroecologia, “uma ciência emergente” que estuda os agroecossistemas, integrando disciplinas como Agronomia, Biologia, Ecologia, Economia, Sociologia, Antropologia, Ciência do Solo, entre outras.

Ciência surgida a partir da década de 1970, com o objetivo de estabelecer uma base teórica para os diferentes movimentos de agricultura alternativa, a agroecologia procura ultrapassar o desafio de criar agroecossistemas sustentáveis, utilizando princípios ecológicos, agronômicos, econômicos e sociais, na compreensão e na avaliação do efeito das tecnologias sobre os sistemas agrícolas e a sociedade como um todo.

Agroecologia - Princípios e técnicas para uma agricultura orgânica sustentável integra questões teóricas e práticas fundamentais para quem deseja se aprofundar no tema da agricultura orgânica, com a perspectiva de sua sustentabilidade.

Espera-se, com este livro, suprir o mercado editorial ávido de informações sobre esse tema, já que se trata de uma obra que é, também, uma referência básica para orientar estudantes e profissionais que atuam ou que queiram praticar “uma agricultura mais justa, economicamente viável e ecologicamente apropriada”.

Capítulo 1 - Diferentes Abordagens de Agricultura Não-Convencional: História e Filosofia – 21
Introdução – 23
Características de diferentes abordagens de agricultura não-convencional – 24
Marco conceitual da agroecologia – 38
Referências – 45

Capítulo 2 - Agroecologia: Introdução e Conceitos – 49
Introdução – 51
Definição de termos – 53
Conceitos básicos de ecologia – 55
Agroecossistema – 61
Tipos de agroecossistemas – 63
Como construir um novo sistema – 65
Perspectivas futuras – 68
Referências – 69

Capítulo 3 - Bases Epistemológicas da Agroecologia – 71
Introdução – 73
Da filosofia da ciência tradicional, à nova filosofia da ciência – 73
Debates contemporâneos sobre a ciência – 84
O pluralismo epistemológico na agroecologia – 93
Referências – 98

Capítulo 4 - Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável – 101
Introdução – 103
Sobre os conceitos de desenvolvimento e desenvolvimento rural no pensamento científico convencional – 105
Uma interpretação agroecológica das formas históricas de desenvolvimento rural-urbano – 114
Uma proposta agroecológica de desenvolvimento rural – 124
Referências – 131

Capítulo 5 - Pesquisa em Agroecologia: Problemas e Desafios – 133
Introdução – 135
Ruptura epistemológica: disciplina científica versus além ciência – 135
Rigor ou a intencionalidade implícita no uso de conceitos – 136
Uso do método: rigor & flexibilização – 138
Fundamentalismo: ciência ou ideologia? – 139
Construção do diálogo versus história, culturas (institucionais, pessoais) – 140
Complexidade do mercado de C&T: Estado versus Sociedade ou Estado & Sociedade – 140
Apelo ambiental – 141
Novas oportunidades e força inercial do paradigma – 142
O desafio tecnológico – 143
O desafio da ética – 143
Perspectivas futuras – 144
Referências – 145

Capítulo 6 - Sistema Integrado de Produção Agroecológica ou Fazendinha Agroecológica do Km 47 – 147
Introdução – 149
Localização – 149
Antecedentes – 150
Parcerias – 153
Objetivo e prioridades – 154
Desenvolvimento – 155
Tratos iniciais, primeiros plantios e estudos – 157
Dificuldades – 160
Principais resultados de pesquisa – 161
Situação atual e perspectivas – 165
Referências – 169

Capítulo 7 - Agroecologia: Visão Histórica e Perspectivas no Brasil – 173
Introdução – 175
Evolução tecnológica da agricultura – 175
Sistemas agroecológicos de produção: conceitos e custos de conversão – 177
Perspectivas de sistemas agroecológicos de produções no Brasil – 180
Referências – 182

Capítulo 8 - Agricultura Urbana – 185
Introdução – 187
Conceito de agricultura urbana – 187
Agroecologia e agricultura urbana – 189
Agricultura urbana na América Latina com ênfase no Brasil e em Cuba – 191
Perspectivas futuras – 195
Referências – 197

Capítulo 9 - Agricultura Orgânica na União Européia – 199
Introdução – 201
Área atual da agricultura orgânica na Europa – 201
Mercado de produtos orgânicos – 204
Programas e metas – 206
Estudo de caso sobre a agricultura orgânica na Suécia – 207
Regulamentação da agricultura orgânica – 208
Perfil dos agricultores orgânicos – 209
Conversão para o manejo orgânico – 210
Processadora e distribuidora – 211
Comercialização de produtos orgânicos em supermercados na Suécia – 211
Feira de produtores e Parque Rosendhal Garden – 212
Qualidade ambiental – 213
Universidade de Uppsala – 213
Perspectivas da agricultura orgânica na Europa – 213
Referências – 214

Capítulo 10 - Tensões, Negociações e Desafios nos Processos de Certificação na Agricultura Orgânica – 215
Introdução – 217
Algumas tensões e negociações entre enfoque orgânico e enfoque agroecológico – 219
Leigos versus peritos (social versus técnico) – 221
Certificação por auditagem/inspeção versus certificação por formação participativa – 226
Principais desafios ligados à certificação – 229
Referências – 234

Capítulo 11 - Certificação como Garantia da Qualidade dos Produtos Orgânicos – 237
Introdução – 239
Certificação – 240
Certificação de produtos orgânicos – 241
Padrões para a agricultura orgânica – 242
Padrões da Ifoam – 243
Codex Alimentarius – 246
Tipos especiais de certificação – 247
Subcontratação – 247
Grupos de agricultores – 248
Regulamentações nacionais – 249
União Européia – 249
Estados Unidos da América – 250
Japão e outros países – 250
Brasil – 250
Certificação da agricultura orgânica no Brasil – 252
Aceitação dos mercados das marcas de certificação – 253
Perspectivas futuras – 254
Referências – 255
Leitura Recomendada – 256

Capítulo 12 - O Conceito de Emergia e a Certificação Agroecológica com Visão Sistêmica – 257
Introdução – 259
Bases para uma proposta de certificação agroecológica – 261
Emergia – 264
Questões complementares a serem consideradas – 268
Referências – 271

Capítulo 13 - Manejo Ecológico de Fitoparasitas – 273
Introdução – 275
Biodiversidade e manejo de fitoparasitas – 277
Estratégias de manejo da diversidade vegetal – 283
Controle de fitoparasitas por meio do manejo da vegetação espontânea – 284
Manejo de fitoparasitas em policultivos anuais – 287
Manejo de fitoparasitas em pomares por meio de plantas de cobertura – 292
Adubação equilibrada e manejo de fitoparasitas – 294
Estratégias complementares no manejo agroecológico de pragas – 296
Desafios e perspectivas – 311
Referências – 313

Capítulo 14 - Bases Ecológicas das Interações entre Insetos e Plantas no Manejo Ecológico de Pragas Agrícolas – 323
Introdução – 325
Componentes das interações tritróficas nos agroecossistemas – 326
Princípios ecológicos do manejo de pragas – 331
Manejo da diversidade vegetal para o incremento das populações de inimigos naturais de pragas agrícolas nos agroecossistemas – 333
Referências – 336

Capítulo 15 - Criação de Animais sob Influência de um Sistema Integrado de Produção Agroecológica – 341
Introdução – 343
Homeopatia – 345
Acupuntura – 348
Fitoterapia – 350
Preparação de fitoterápicos – 351
Tratamentos – 356
Cicatrizantes – 360
Antitérmicos – 371
Tosse – 372
Desinfecção – 373
Ecto e endoparasitos – 374
Verminose – 381
Referências – 382

Capítulo 16 - Compostagem: Princípios, Práticas e Perspectivas em Sistemas Orgânicos de Produção – 387
Introdução – 389
Contexto do manejo orgânico do solo – 389
Aspectos gerais da compostagem – 391
Princípios da compostagem – 394
Características da compostagem – 395
Comportamento de alguns nutrientes na compostagem – 405
Referências – 419

Capítulo 17 - Aspectos Práticos da Vermicompostagem – 423
Introdução – 424
Resíduos orgânicos utilizados na vermicompostagem – 426
Preparo do vermicomposto: substratos e canteiros – 428
Manejo durante a vermicompostagem – 429
Separação das minhocas e do vermicomposto – 430
Reciclagem das minhocas – 430
Características do vermicomposto – 431
Outros métodos de vermicompostagem – 431
Referências – 432

Capítulo 18 - Uso de leguminosas Herbáceas para Adubação Verde – 435
Introdução – 437
Efeito sobre as características do solo – 437
Controle de plantas invasoras – 440
Fixação biológica de N (nitrogênio) – 440
Decomposição dos resíduos vegetais – 441
Escolha das leguminosas para a adubação verde – 442
Forma de utilização dos adubos verdes – 445
Desafios e perspectivas – 447
Referências – 448

Capítulo 19 - Inserção da Adubação Verde e da Arborização no Agroecossistema Cafeeiro – 453
Introdução – 455
Arborização de cafezais – 459
Referências – 464

Capítulo 20 - Aspectos Ecológicos da Seleção de Espécies para Sistemas Agroflorestais e Recuperação de Áreas Degradadas – 467
Introdução – 469
Mecanismos reguladores – 470
Oferta de propágulos – 472
Escolha de espécies para revegetação – 475
Leguminosas arbóreas como ativadoras da sucessão natural – 477
Referências – 479

Capítulo 21 - Funções, Benefícios e Potencialidades para Uso e Manejo de Fragmentos de Florestas Secundárias – 483
Introdução – 485
Funções e estrutura – 486
Fragmentação e dinâmica de florestas secundárias – 491
Conseqüências para o manejo – 493
Referências – 495

Capítulo 22 - Sistemas Silvipastoris para Recuperação e Desenvolvimento de Pastagens – 497
Introdução – 499
Papel dos componentes lenhosos na sustentabilidade dos sistemas a pasto – 500
Condições para se obter os benefícios da arborização de pastagens – 504
Sistemas silvipastoris na recuperação de pastagens degradadas – 509
Referências – 514

Editores Técnicos: Adriana Maria de Aquino e Renato Linhares de Assis
Ano: 2005 (reimpressão 2012)
Número de Páginas: 517
Tamanho: 16 x 22 cm
Editora: Embrapa
Acabamento: Brochura
ISBN: 85-7383-312-2
Prazo de entrega
Prazo de entrega: Sedex de 03 a 05 dias úteis e PAC de 05 a 15 dias úteis
Indique este produto
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome (para):
E-mail(para):
Comentários:
 
Voltar
vazio

RECUPERAÇÃO DE ÁREAS MINERADAS
R$50,00
O GUIA DO HIDROMEL ARTESANAL
R$50,00
CUNICULTURA: didática e prática na criação de coelhos
R$28,00
RECUPERAÇÃO DE PASTAGENS DEGRADADAS NA AMAZÔNIA
R$40,00

Ver Todas as Novidades
——————————————————————————————

CNPJ: 96.631.353/0001-69 - Email: pldlivros@uol.com.br - Fone/Fax (19) 3421 7436 - Fone: 3423 3961 - Piracicaba/SP

Formas de Pagamento
—————————————————————————————
Política de Privacidade. ©2008, Revendas de Livros Técnicos. Todos os direitos reservados