IMPORTADOS
· Diversos
LIVROS TÉCNICOS
· Administração
· Agronomia
· Biologia - Ecologia
· Direito
· Diversos
· Engenharia Ambiental
· Engenharia Civil
· Engenharia de Alimentos
· Engenharia Florestal
· Entomologia
· Estatística
· Fisiologia Vegetal
· Fitopatologia
· Geologia
· Geoprocessamento
· Irrigação - Hidráulica
· Medicina Veterinária
· Nutrição
· Química
· Técnicas de Pesquisa - Estudos
· Zootecnia
 




EL CULTIVO DE PIMIENTOS, CHILES Y AJÍES
R$ 165,00


  LIVROS TÉCNICOS >>> Engenharia Ambiental
 
MUDANÇAS CLIMÁTICAS E DESERTIFICAÇÃO NO SEMI-ÁRIDO BRASILEIRO
 
MUDANÇAS CLIMÁTICAS E DESERTIFICAÇÃO NO SEMI-ÁRIDO BRASILEIRO     
  
Por: R$ 40,00 
 
 

   
   
   

Clique na imagem para ampliá-la
Descrição
As mudanças climáticas conseqüentes do aquecimento global manifestam fenômenos sobre os biomas do planeta que abrem um novo campo de investigações nas instituições de Ciência e Tecnologia (C&T). O impacto da elevação da temperatura sobre atividades agrícolas, diversidade ambiental e segurança alimentar, orienta o estabelecimento de programas inovadores de pesquisa e desenvolvimento (P&D) que contribuam para compreensão, mitigação e adaptação sustentável da ação humana sobre os recursos naturais.

Os cenários futuros utilizando modelos climáticos e os riscos de desertificação são temas interligados que têm sido discutidos, a fim de obter soluções sobre possíveis adaptações às mudanças climáticas, principalmente no que se refere à conservação dos recursos naturais, produtividade agrícola e qualidade de vida.

O Semi-Árido brasileiro já apresenta sinais de vulnerabilidade aos efeitos do processo de desertificação que vem ocorrendo na região. Nesse caso, as instituições de pesquisa regionais e nacionais já vêm se preocupando com os temas de mudanças climáticas e seus efeitos e desertificação.

A pesquisa em Mudanças Climáticas na Embrapa Semi-Árido, inicialmente, está focada na sistematização de informações e tecnologias que deram suporte à substituição do conceito de “combate à seca” pelo de “convivência com o Semi-Árido”. Esta alteração foi fundamental para redirecionar as intervenções de instituições responsáveis pela execução de políticas públicas para apoiar a diversidade de possibilidades agrícolas para a região.

A área seca da região Nordeste é o único ambiente de clima tropical semi-árido do mundo. A caatinga, ecossistema típico dessa área, é exclusivo do Brasil. Nela, estão cerca de 110 Unidades Geoambientais, dentre as 170 que formam o Nordeste. A variedade da exploração agropecuária também está presente em 13 tipos de sistemas de produção dos agricultores.

A originalidade do ambiente, as variadas situações agroecológicas e o potencial agrícola estão na base das pesquisas atualmente desenvolvidas que servirão para formatar modelos de simulação para monitoramento das mudanças climáticas no ambiente, na agricultura e na pecuária.

Alguns estudos sobre os impactos das mudanças climáticas no Semi-Árido, segundo os cenários do Relatório do IPCC, indicam que a temperatura pode aumentar de 2ºC a 5ºC no Nordeste até o final do século XXI, a Caatinga será substituída por uma vegetação mais árida e, com o aquecimento, a evaporação aumenta e a disponibilidade hídrica diminui.

Também, estão sendo realizados estudos de mudanças nos sistemas produtivos, manejo do solo e vegetação que promovam a redução da emissão de gases de efeito estufa, adotando ou definindo melhores práticas de manejo. São conhecidos, estudos sobre o acúmulo e manutenção do carbono no sistema produtivo, adoção de medidas eficazes para a redução das queimadas e desmatamentos de ecossistemas naturais. Outra medida associada à redução de emissões é a área de biocombustíveis e alternativas energéticas, em substituição à queima de combustíveis fósseis.

No que se refere às atividades de adaptação, as pesquisas devem propor aos sistemas produtivos, incluindo a introdução de novas culturas em regiões onde se tornem aptas, desenvolvimento de estratégias de conservação da água, mudanças microclimáticas e nas datas de plantio, adoção de métodos alternativos e novas tecnologias e de sua combinação. Uma linha de pesquisa importante nesse tema é o uso da biotecnologia, da bioinformática, do nanosequenciamento e da prospecção de genes, dispondo da biodiversidade natural, para acelerar o desenvolvimento de novas variedades resistentes a temperaturas mais altas, ao estresse hídrico e mesmo ao excesso de água e ao alagamento. Políticas públicas devem estimular e apoiar essas mudanças adaptativas e favorecer a transferência de tecnologias limpas e a obtenção de créditos de carbono.

Nesse contexto, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa, por meio de suas Unidades Semi-Árido e Informática Agropecuária, tomou a iniciativa de organizar, em nível internacional, o “I Simpósio sobre Mudanças Climáticas e Desertificação no Semi-Árido Brasileiro”, que aconteceu de 15 a 17 de abril de 2008, em Petrolina-PE, com o intuito de promover a interação das diversas entidades especialistas na área e contribuir para o avanço da fronteira do conhecimento científico e tecnológico relacionado aos temas.

O Simpósio compartilhou e consolidou as informações mais recentes, estimulando a discussão a respeito de estratégias de ações futuras, as quais poderão integrar a base de estudos para o Semi-Árido brasileiro a ser inserida em programas nacionais e internacionais. Além da organização deste Simpósio, decidiu-se por editar o presente livro, com o objetivo de reunir as informações apresentadas por diferentes especialistas, servindo de base para a elaboração de futuras políticas públicas voltadas para a convivência com o Semi-Árido.

PARTE 1 - A Desertificação e as Mudanças Climáticas Globais
Capítulo 1 - As Mudanças Climáticas e a Desertificação – 17
Capítulo 2 - Interacciones entre el Cambio Climático y la Desertificación en Latinoamérica – 27
Capítulo 3 - Mudanças Climáticas e Desertificação no Semi-Árido Brasileiro – 41

PARTE 2 - A Degradação Ambiental e a Situação Atual dos Recursos Naturais no Semi-Árido
Capítulo 4 - Degradação Ambiental e Desertificação no Semi-Árido Brasileiro – 53
Capítulo 5 - Situação da Cobertura Vegetal do Bioma Caatinga – 77
Capítulo 6 - Áreas Prioritárias para o Combate à Desertificação: Aspectos Técnicos e Institucionais – 95
Capítulo 7 - Desertificação e Mudanças Climáticas no Semi-Árido Brasileiro: A Questão da Água – 125

PARTE 3 - A Convivência com o Semi-Árido e Inovações
Capítulo 8 - Interações entre População e Recursos Naturais: Evoluções dos Sistemas de Produção – 139
Capítulo 9 - Sistemas Produtivos Dependentes de Chuva: Desempenho e Perspectivas para a Sustentabilidade – 165
Capítulo 10 - A Integração de Bacias no Semi-Árido do Nordeste – 173
Capítulo 11 - Agricultura Familiar no Semi-Árido Brasileiro no Contexto de Mudanças Climáticas Globais – 183

PARTE 4 - As Políticas Públicas e os Instrumentos para um Desenvolvimento Sustentável do Semi-Árido Brasileiro
Capítulo 12 - Políticas Públicas e Sustentabilidade do Desenvolvimento do Semi-Árido Brasileiro – 197
Capítulo 13 - Desertificação e Políticas de Desenvolvimento Sustentável no Brasil – 221
Capítulo 14 - El Programa de Combate a la Desertificación y Mitigación de los Efectos de la Sequía en América del Sur, BID-IICA – 233

PARTE 5 - Perspectivas de Pesquisa, Ciência e Produção Tecnológica Adaptada
Capítulo 15 - Desafios Institucionais em Ciência e Tecnologia: A Visão do INSA – 249
Capítulo 16 - Mudanças Climáticas Globais e a Agricultura no Brasil: Desafios da Pesquisa Agropecuária – 259
Capítulo 17 - Papel da Pesquisa e Produção de Saberes Úteis e Utilizáveis – 283

Editores Técnicos: Francislene Angelotti, Iêdo Bezerra Sá, Eduardo Assis Menezes e Giampaolo Queiroz Pellegrino
Ano: 2009
Número de Páginas: 295
Tamanho: 16 x 23 cm
Editora: Embrapa
Acabamento: Brochura
ISBN: 978-85-7405-011-9
Prazo de entrega
Prazo de entrega: Sedex de 03 a 05 dias úteis e PAC de 05 a 15 dias úteis
Indique este produto
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome (para):
E-mail(para):
Comentários:
 
Voltar
vazio

RECUPERAÇÃO DE PASTAGENS DEGRADADAS NA AMAZÔNIA
R$ 40,00
MANUAL DE NUTRIÇÃO MINERAL DE PLANTAS
R$ 180,00
MELHORAMENTO DE FORRAGEIRAS NA ERA GENÔMICA
R$ 40,00
ABACATE DO PLANTIO A COLHEITA
R$ 78,00

Ver Todas as Novidades
——————————————————————————————

CNPJ: 96.631.353/0001-69 - Email: pldlivros@uol.com.br - Fone/Fax (19) 3421 7436 - Fone: 3423 3961 - Piracicaba/SP

Formas de Pagamento
—————————————————————————————
Política de Privacidade. ©2008, Revendas de Livros Técnicos. Todos os direitos reservados