IMPORTADOS
· Diversos
LIVROS TÉCNICOS
· Administração
· Agronomia
· Biologia - Ecologia
· Direito
· Diversos
· Engenharia Ambiental
· Engenharia Civil
· Engenharia de Alimentos
· Engenharia Florestal
· Entomologia
· Estatística
· Fisiologia Vegetal
· Fitopatologia
· Geologia
· Geoprocessamento
· Irrigação - Hidráulica
· Medicina Veterinária
· Nutrição
· Química
· Técnicas de Pesquisa - Estudos
· Zootecnia
 




ESTATÍSTICA BÁSICA - (Bussab)
R$ 134,90


  LIVROS TÉCNICOS >>> Zootecnia
 
GALINHAS POEDEIRAS - CRIAÇÃO E ALIMENTAÇÃO
 
GALINHAS POEDEIRAS - CRIAÇÃO E ALIMENTAÇÃO     
  
Por: R$ 69,00 
 
 

   
   
   

Clique na imagem para ampliá-la
Descrição
A rentabilidade de qualquer atividade pecuária, principalmente avícola, é obtida com base em conhecimentos de produção, manejo, sanidade, nutrição e mercado.

Entender as exigências nutricionais e ambientais dos animais, aliado a uma boa gestão econômica, vem garantindo ao produtor fonte de renda durante muitos anos. Entretanto, ter hoje apenas o conhecimento técnico não é suficiente para garantir o sucesso da criação, pois com o maior acesso à informação, as exigências do consumidor também têm mudado, aumentando a busca por alimentos saudáveis e ambientalmente sustentáveis.

O comprometimento com o bem-estar dos animais tem alcançado grandes dimensões, alterando o cenário econômico e político, modificando a estrutura do mercado de proteína animal. O produtor é levado a implantar um sistema de produção em que o animal possa exercer comportamentos naturais, livre de medo e doenças. Aliar isso à manutenção da produção de forma rentável é o novo desafio do avicultor.

A ideia de que o ovo causa malefícios à saúde já foi desmistificada, sendo considerado um excelente alimento, usado como fonte de proteínas em diversas dietas. Seu baixo custo é um importante ponto a ser ressaltado, sendo um fator decisivo pelo consumidor no momento da compra. O bom manejo dos ovos também tem reduzido contaminações no produto, fazendo com que o consumo destes cresça a cada ano mais.

Somado a isso, ao longo os anos as linhagens vêm sendo aprimoradas, principalmente em relação às exigências nutricionais. Assim, o profissional da cadeia avícola deve buscar constante atualização dentro da área.

Para que essas novas exigências sejam compreendidas, levando em consideração o bem-estar das aves, apresentamos o livro “Galinhas Poedeiras - Criação e Alimentação” como ferramenta de atualização para profissionais envolvidos com este tipo de criação.

A avicultura de postura é uma atividade que apresenta ampla possibilidade de crescimento nos cenários nacional e mundial. A facilidade de incorporação de novas tecnologias associada ao adequado manejo na fase de cria, recria e postura tem feito dessa atividade destaque no panorama avícola.

Conhecer as novas informações que surgem no meio avícola é fundamental para o sucesso da criação de galinhas poedeiras, pois proporciona maior lucratividade, além contribuir para melhor atender as exigências dos consumidores.

Diante disso, esta edição permitirá aos avicultores e profissionais ligados à atividade otimizar a produção de ovos fazendo o manejo correto da criação e da alimentação. Este exemplar busca esclarecer alguns conceitos sobre manejo, nutrição, fisiologia, ambiência e bem-estar no sistema de criação, assim como aspectos relacionados à qualidade dos ovos, biosseguridade e manejo de dejetos das poedeiras.

INTRODUÇÃO – 19

CAPÍTULO 1 - ASPECTOS SOBRE CRIA E RECRIA DE POEDEIRAS COMERCIAIS – 29
1.1 Desenvolvimento genético da Poedeira Moderna – 31
1.2 Período de Incubação – 34
1.3 Alojamento das Aves – 37
1.4 Fase Inicial de Desenvolvimento – 39
1.5 Fase de Recria – 39
1.6 Debicagem – 41
1.7 Densidade de Alojamento – 44
1.8 Maturidade Sexual – 46
1.9 Uniformidade do Plantei – 50
1.10 Programas de Luz – 52
1.11 Programas de Luz para Cria - Recomendações das Linhagens – 56
1.11.1 Nick Chick (H&N) – 56
1.11.2 Dekalb White – 57
1.11.3 Novogen Brown & White – 57
1.11.4 Isa Brown & White, Hisex Brown & White, Shaver Black, Brown & White, Babcock Brown & Babcock White, Bovans Black, White & Brown, Hy-line Bown & White – 57
1.11.5 Lohmann Brown & White – 58
1.12 Programas de Luz para a Recria - Recomendações das Linhagens – 58
1.12.1 Nick Chick (H&N) – 58
1.12.2 Shaver Black, Brown & White (Isa), Babcock Brown & Babcock White (Isa), Bovans Black, White & Brown (Isa), Hisex Brown & White (Isa), Isa Brown & White, Hy-line Brown & White – 59
1.12.3 Debalk White – 59
1.12.4 Novogen Brown & Novogen White – 60
1.12.5 Lohmann Brown & White – 60
1.13 Manejo da Alimentação – 60
1.14 Vacinas e Vacinação – 70
1.15 Sistema de Criação em Gaiolas Convencionais – 75
1.16 Sistemas de Criação Alternativos – 77
1.17 Gaiolas Enriquecidas – 79
1.18 Sistema de Criação em Aviários com Cama (Piso) – 81
Considerações Finais – 84
Literatura Consultada – 85

CAPÍTULO 2 - FASE DE PRODUÇÃO I - PRÉ-POSTURA E PRIMEIRO CICLO DE POSTURA – 97
2.1 Poedeiras Modernas – 100
2.2 Desenvolvimento e Qualidade das Frangas – 103
2.3 Controle de Peso e da Uniformidade Durante a Cria e a Recria – 107
2.3.1 Controle do Peso Corporal – 107
2.3.2 Transferência das Aves – 112
2.4 Densidade de Criação – 112
2.5 Seleção e Descarte das Aves – 114
2.6 Programas de Iluminação – 117
2.6.1 Luz na Criação de Aves – 117
2.6.2 Intensidade da Luz – 121
2.6.3 Tipos de Lâmpadas – 122
2.6.3.1 Lâmpadas de Led – 124
2.6.3.2 Lâmpadas Incandescentes – 125
2.7 Programa de Luz para Frangas e Poedeiras – 125
2.7.1 Exemplos de Programas de Luz para Poedeiras – 126
2.7.2 Como Elaborar o Programa de Luz – 127
2.7.3 Cálculo do Número e Dimensionamento das Lâmpadas no Galpão – 131
2.7.4 Programas de Luz Intermitente para Poedeiras – 132
2.8 Métodos de Vacinação – 135
2.8.1 Vacinação Individual – 135
2.8.2 Vacinação via Água de Beber – 136
2.8.3 Vacinação via Spray – 136
2.8.4 Vacinação via Punção na Asa – 138
2.8.5 Programa de Vacinação – 138
2.9 Manejo Alimentar – 139
2.9.1 Fase Pré-postura - Mudanças Fisiológicas e Alterações na Ração – 139
2.9.1.1 Energia Metabolizável, sua Importância e a Relação com os Demais Nutrientes – 140
2.9.1.2 Minerais Importantes na Formação e Manutenção da Qualidade dos Ovos – 143
2.9.1.3 Balanço Eletrolítico - Sua Importância e Aplicação em Rações – 145
2.9.1.4 Vitaminas - Cofatores Essenciais à Eficiência da Produção – 148
2.9.1.5 Aminoácidos – 150
2.9.1.5.1 Relações Aminoácidos Não Essenciais: Essenciais – 153
2.9.1.5.2 Suplementação de Aminoácidos, Redução de Custos – 154
2.9.1.5.3 Influência dos Aminoácidos na Histofisiologia – 159
2.10 Aditivos em Rações de Galinhas de Postura – 168
2.10.1 Probióticos – 168
2.10.2 Prebióticos – 169
2.10.3 Enzimas Exógenas – 170
2.10.4 Ácidos Orgânicos – 174
2.10.5 Adsorventes – 174
2.10.6 Metabólitos, 25 (OH) D3 – 176
2.11 Bioclimatologia para Aves – 177
2.11.1 Influência da Temperatura na Criação de Poedeiras – 177
2.11.2 Influência da Temperatura sobre a Qualidade do Ovo – 180
2.12 Gaiolas Enriquecidas – 182
Considerações Finais – 185
Literatura Consultada – 186

CAPÍTULO 3 - FASE DE PRODUÇÃO II - MANEJO DE POEDEIRAS APÓS O PICO DE POSTURA – 199
3.1 Planejamento e Aspectos Ambientais na Produção de Poedeiras – 202
3.2 Nutrição das Poedeiras Após o Pico de Produção – 205
3.2.1 Energia – 207
3.2.2 Proteínas e Aminoácido – 208
3.2.3 Cálcio e Fósforo – 213
3.3 Seleção e Descarte de Poedeiras – 214
3.3.1 Distância entre os Ossos Pélvicos – 216
3.3.2 Aspectos Visuais da Cloaca – 217
3.3.3 Gordura Abdominal – 218
3.3.4 Velocidade de Perda da Pigmentação – 219
3.3.5 Cristas e Barbelas – 220
3.3.6 Características das Canelas, Pálpebras e Bico – 221
3.3.7 Qualidade da Plumagem – 222
3.4 Muda Forçada das Aves – 223
3.5 Muda Forçada na Avicultura de Postura – 226
3.6 Bases Fisiológicas da Muda Forçada – 230
3.7 Métodos para a Indução de Muda em Galinhas Poedeiras – 233
3.8 Método Relacionado ao Manejo – 234
3.8.1 Métodos Convencionais ou Métodos da Restrição Alimentar – 234
3.9 Métodos Nutricionais para Muda Forçada – 239
3.9.1 Muda Forçada Usando Alto Nível de Zinco na Dieta – 240
3.9.2 Muda Forçada Utilizando Outros Minerais – 242
3.9.2.1 Alta Concentração de Alumínio na Dieta – 242
3.9.2.2 Alta Concentração de Sódio na Dieta – 243
3.9.2.3 Alta Concentração de lodo na Dieta – 245
3.9.2.4 Alta Concentração de Cobre na Dieta – 247
3.10 Métodos Alternativos para Muda Forçada – 247
Considerações Finais – 256
Literatura Citada – 256

CAPÍTULO 4 - FORMAÇÃO E QUALIDADE DOS OVOS – 271
4.1 Composição Nutricional do Ovo – 272
4.2 Estrutura e Formação do Ovo – 274
4.3 Limpeza dos Ovos – 281
4.4 Classificação dos Ovos – 284
4.5 Qualidade dos Ovos – 287
4.5.1 Qualidade da Casca – 287
4.5.2 Fatores que Afetam a Qualidade da Casca – 289
4.5.2.1 Nutricional – 290
4.5.2.2 Balanço Eletrolítico – 299
4.5.2.3 Temperatura Ambiente – 301
4.5.2.4 Idade da Ave – 304
4.5.2.5 Genética – 306
4.5.2.6 Micotoxinas – 307
4.5.27 Patológico – 309
4.5.2.8 Armazenamento – 310
4.5.3 Qualidade Interna dos Ovos – 311
4.5.3.1 Pigmentação da Gema – 312
4.6 Controle da Qualidade dos Ovos – 314
4.7 Medidas Usadas para Avaliação da Qualidade dos Ovos – 315
4.7.1 Métodos Diretos de Avaliação – 315
4.7.2 Métodos Indiretos de Avaliação – 317
4.7.2.1 Peso Específico – 317
47.2.2 Deformidade dos Ovos – 318
47.2.3 Defeitos Externos – 318
47.2.4 Defeitos Internos – 321
4.8 Processamento de Ovos – 323
4.8.1 Ovo Integral Desidratado – 325
4.8.2 Gema de Ovo Desidratada – 325
4.8.3 Clara de Ovo Desidratada – 325
4.8.4 Ovo Integral Pasteurizado Resfriado – 326
4.8.5 Gema de Ovo Pasteurizada Resfriada – 326
4.8.6 Mistura de Ovos Pasteurizados Resfriados – 326
4.8.7 Coleta e Transporte dos Ovos – 327
4.9 Processamento de Ovo produtos Líquidos – 327
4.10 Processamento de Ovo produtos em Pó – 330
Considerações Finais – 335
Literatura Consultada – 336

CAPÍTULO 5 - BIOSSEGURIDADE E MANEJO DE DEJETOS DE GRANJA DE GALINHAS POEDEIRAS – 347
5.1 Biosseguridade x Biossegurança – 349
5.2 Manejo de Dejetos em uma Granja de Poedeiras – 356
5.2.1 Composição dos Dejetos – 356
5.2.2 Destinos dos Dejetos na Avicultura – 360
5.2.3 Manejo de Dejetos Líquidos e Sólidos – 361
5.2.3.1 Destinos de Dejtos na Forma Sólida – 361
5.2.3.1.1 Esterqueiras – 361
5.2.3.1.2 Fossas sépticas – 362
5.2.3.1.3 Incineradores – 363
5.2.3.1,4 Compostagem – 365
5.2.3.1,5 Biodigestão – 368
5.3 Alternativas Nutricionais para Minimizar os Impactos Ambientais – 372
5.3.1 Proteína Ideal – 372
5.3.2 Enzimas Exógenas – 373
Literatura Consultada – 375


Autores: Bruno Reis de Carvalho, Luiz Fernando Teixeira Albino, Rosana Cardoso Maia e Victor Ramos Sales Mendes de Barros
Ano: 2017
Número de Páginas: 377
Tamanho: 16 x 23 cm
Editora: Aprenda Fácil
Acabamento: Brochura
ISBN: 978-85-8366-034-7
Prazo de entrega
Prazo de entrega: Sedex de 03 a 05 dias úteis e PAC de 05 a 15 dias úteis
Indique este produto
 
Seu nome:
Seu e-mail:
Nome (para):
E-mail(para):
Comentários:
 
Voltar
vazio

MANUAL DE FITOPATOLOGIA Vol. 1: princípios e conceitos
R$ 270,00
BOTÂNICA SISTEMÁTICA
R$ 110,00
RESISTÊNCIA DE PLANTAS A INSETOS: FUNDAMENTOS E APLICAÇÕES
R$ 100,00
MANUAL DE TERAPÊUTICA VETERINÁRIA: consulta rápida
R$ 107,35

Ver Todas as Novidades
——————————————————————————————

CNPJ: 96.631.353/0001-69 - Email: pldlivros@uol.com.br - Fone/Fax (19) 3421 7436 - Fone: 3423 3961 - Piracicaba/SP

Formas de Pagamento
—————————————————————————————
Política de Privacidade. ©2008, Revendas de Livros Técnicos. Todos os direitos reservados